Ex-prefeito de Condado e empresário são condenados pela Justiça Federal


Eugênio Pacelli de Lima, ex-prefeito de Condado, e o empresário Raimundo Alves da Costa, foram condenados por improbidade administrativa devido à irregularidades comprovadas em reforma de escolas municipais. Quem proferiu decisão foi o juiz Rafael Chalegre do Rego Barros, da 14ª Vara Federal da Justiça Federal da Paraíba.

De acordo com o processo, Raimundo Alves da Costa chefiava a Construtora Kanthaka LTDA, que foi contratada pelo ex-prefeito para realização das obras nas escolas. A empresa recebeu a quantia de R$ 117,8 mil da gestão municipal, sendo R$ 80,8 mil transferidos nos últimos dias de gestão do ex-prefeito Eugênio Pacelli. 

“As reformas nas escolas da zona rural nunca foram feitas, conforme se comprova pelas declarações efetuadas por dezenas de funcionários da rede municipal de ensino de Condado/PB, pelo relatório fotográfico elaborado pelo técnico de transportes do MPF ao realizar visita in loco em 2015, por inspeção feita pelo Procurador da República por ocasião da implantação do programa Ministério Público pela Educação – MPEDUC e por informação da Secretaria Municipal de Educação de Condado”, afirmou o juiz na decisão.

Compartilha via Whatsapp

Sobre Chico Lobo

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook