MONTEIRO: Mutirão de Próteses Odontológicas atende 280 pacientes no CEO

A Secretaria de Saúde de Monteiro segue os trabalhos em todos os órgãos do município, no mês de fevereiro, o Centro de Especialidades Odontológicas – CEO, atendeu 280 pacientes do Mutirão de Próteses.

Durante os expedientes foram entregues 200 próteses e realizados 80 atendimentos de provas em cera e em dentes, que serão entregues posteriormente.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde, o mutirão de próteses dentárias beneficia pacientes da zona urbana e rural com entregas de próteses totais, compostas pela arcada superior e inferior e próteses parciais removíveis – PPR.

Com esta iniciativa, além de reduzir o tempo de espera para obter a prótese dentária, o município tem o objetivo de proporcionar mais qualidade de vida aos pacientes. Sem a dentição completa, a pessoa sofre com uma mastigação ineficiente, tem baixa autoestima, além de enfrentar dificuldades nas relações sociais e profissionais.

“Estamos dando continuidade a essa importante ação da prefeita Anna Lorena. Pelo mutirão de próteses dentárias, nós pudemos atender centenas e centenas de pacientes da zona urbana e rural, trazendo novamente a autoestima e proporcionando uma vida saudável e com mais qualidade a estas pessoas”, detalhou a secretária de saúde, Paula Oliveira.

Atendimento

Para obter ou substituir sua prótese dentária, o paciente deve procurar a UBS mais próxima de sua residência, onde deve ser avaliado pelo dentista. Caso não seja preciso realizar nenhum procedimento prévio, como cirurgias ou extrações, ele é inserido na lista de espera da rede municipal.

Ao serem convocados, estes pacientes retiram a guia na UBS, documento que informa o dia e horário da consulta no Centro de Especialidades Odontológicas. O tratamento para confecção das próteses inclui avaliações, moldes e testes, e é necessário que o usuário compareça em todos os retornos para obter suas próteses.

“O principal objetivo das próteses dentárias é a transformação da saúde bucal em todas as suas funções: estética, mastigação e fonética, proporcionando um belo sorriso e aumentando a autoestima dos pacientes. No mutirão, os pacientes atendidos já vão começar efetuando a moldagem e registro da mordida. Em seguida, a prova da peça com os dentes e, finalmente, a entrega da peça”, explica Rosimere Matos, diretora do CEO.
Compartilha via Whatsapp

Sobre Chico Lobo

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook