Conde investe e ultrapassa índices constitucionais de Educação e Saúde

A Prefeita Márcia Lucena anunciou na manhã desta sexta-feira (05) que a Prefeitura de Conde não só  atingiu os índices constitucionais de gastos com a Saúde (25%) e a Educação (15%), mas ultrapassou o que a Constituição impõe. Na Educação, o percentual chegou a 26,28%, na Saúde, 15,45%).

“Alcançamos o índice de 26,28% na Educação, isto corresponde a uma despesa de R$ 11.410.664,00 da nossa receita de impostos, quando a obrigação constitucional seria de 25% correspondente a R$ 10.852.904,00. Conclui-se que a Prefeitura investiu R$ 557.760,00 a mais do que o exigido por lei”, informou Márcia Lucena.

Com relação ao magistério, a prefeita disse que “foram investidos 65,62% das transferências do FUNDEB, o que deveria ter sido de apenas 60%, tornando evidente a preocupação da gestão com a valorização dos professores”. Ela acrescentou que “desde o início da gestão tem sido pago o piso salarial dos professores e vantagens conforme o PCCR vigente dentro do mês trabalhado, décimo terceiro e terço de férias”.

“Na saúde conseguimos um índice de 15,45%, o que corresponde a uma despesa de R$ 6.463.029,00 da nossa receita de impostos, quando a obrigação constitucional seria de 15% correspondente a R$ 6.275.020,00. Conclui-se que a Prefeitura investiu R$ 188.008,00 a mais do que o exigido por lei”, disse Márcia Lucena.

E não foi só na Saúde e Educação que a gestão de Márcia Lucena obteve rendimento positivo: “Áreas que antigamente eram esquecidas por antigos gestores foram resgatadas e reinventadas” – lembrou a prefeita, a exemplo do planejamento urbano, coleta de lixo, urbanização da orla de Jacumã e organização do tráfego de veículos na praia de Coqueirinho, entre outros.

Compartilha via Whatsapp

Sobre TV AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook