Vereadores fiscalizam 'Bica', encontram problemas de acessibilidade, mas elogiam conservação do parque, em João Pessoa

Os vereadores da oposição e situação que integram a Frente Parlamentar da Acessibilidade da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) fiscalizaram na manhã desta terça-feira (21) o Parque Zoobotânico Arruda Câmara, a Bica, e detectaram alguns problemas pontuais na estrutura do espaço. Entretanto, houve um consenso no quesito da conservação e preservação do meio ambiente. Integraram a comitiva os vereadores Leo Bezerra, Damásio Franca, Bruno Farias e Thiago Lucena.
Para o vereador Damásio Franca, que preside a Frente, a inexistência da acessibilidade no local se dá em virtude da estrutura ter sido projetada há mais de 90 anos. Franca ressaltou que o parque vai passar por uma transformação a partir do início de 2018 onde as normas da Lei de Acessibilidade serão cumpridas.
“Tendo em vista que a Bica é um parque feito há mais de 90 anos, não existe acessibilidade no local. Há apenas uma e outra calçada acessível. Como o prefeito Luciano Cartaxo anunciou uma reforma para 2018, nós viemos com uma certa antecedência para cobrar que a Lei da Acessibilidade seja cumprida no próximo ano. Entretanto, ficamos muito satisfeito com o que encontramos na Bica, espaços bem cuidados, animais alimentados e tratados. A administração, de fato, está de parabéns”, explicou o vereador.
O vereador Bruno Fárias, líder da oposição na CMJP, falou sobre problemas da acessibilidade no parque devido a antiguidade do espaço, mas disse ter ficado surpreso com o Zoobotânico bem estruturado e zelado.
“Viemos vistoriar o local tendo em vista que este será um dos projetos no segundo mandato do prefeito Luciano Cartaxo. Para a nossa surpresa e alegria, encontramos um parque bem cuidado, que irá dentro do que for possível respeitar a acessibilidade para pessoas com deficiência, de modo que saímos daqui com o espírito renovado com uma joia da nossa cidade, que é a bica, está sendo cuidado com zelo, carinho e paixão e responsabilidade”, falou Bruno Farias.
O secretário de Meio Ambiente de João Pessoa, Abelardo Jurema Neto, tratou como positiva a visita dos vereadores do parque e ficou satisfeito com as observações dos parlamentares. “Ficamos felizes com a visita dos vereadores de oposição e situação ao parque e gratificante com as observações dos parlamentares. Foi a aprovação na sua totalidade como ele [parque] se encontra. As propostas da requalificação foram aprovadas, o que nos deixam muitos felizes, satisfeitos e cientes que estamos no caminho certo”, comentou o secretário.
Bica
O Parque Zoobotânico Arruda Câmara é um jardim zoobotânico localizado em João Pessoa, Paraíba. Com área de 26,8 hectares, a reserva é tombada pelo IPHAEP (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba) desde 26 de agosto de 1980. Coberto por resquício de Mata Atlântica, o parque apresenta quinhentos animais de oitenta espécies, entre os quais elefantes, leões, araras e jacarés, assim como uma infinidade de plantas da flora brasileira.
Popularmente chamado Bica, em virtude de uma fonte natural de água potável em seu centro, o Parque Arruda Câmara é um oásis no meio da cidade, pois se constitui em um verdadeiro santuário ecológico encravado no centro da capital paraibana. Todo ano a área recebe cerca de 110 mil pessoas, entre turistas e cidadãos locais.
Em 24 de dezembro de 1922, a Provedoria da Fazenda autorizava a edificação de uma fonte no pequeno bosque de onde fluía o córrego. Já em 1831, foram expandidos os limites do sítio, concretizando-se sua construção definitivamente em 1889. Nessa época, o parque apresentava área de 43 hectares, a qual foi desapropriada pelo prefeito Walfredo Guedes Pereira, entre 1920–1924.
A área foi então batizada com o nome do renomado botânico paraibano da cidade de Pombal, Manuel Arruda Câmara.

Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.