Técnicos do Cievs na Paraíba recebem capacitação do Ministério da Saúde

Técnicos do Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde (Cievs) nacional, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do Epsus (investiga surtos) iniciarão, nesta quinta-feira (26), às 10h, uma oficina para 50 profissionais de saúde envolvidos com o Cievs na Paraíba. O encontro continua na sexta-feira (27), no auditório da Agevisa, em João Pessoa, e tem como objetivo fortalecer a rede Cievs, que conta com 57 centros ativos em todo o Brasil. O mesmo evento deverá ser realizado em todos os centros.

O Cievs tem a missão de realizar a captação de notificações, monitoramento, mineração de dados e análise epidemiológica de surtos e epidemias nacionais e internacionais. Compõe a Rede Nacional de Alerta e Resposta às Emergências em Saúde Pública.

“Esta oficina norteará as ações de monitoramento, execução e de apoio às respostas dos municípios para conter surtos e situações de emergência em saúde pública”, avaliou a gerente executiva de Vigilância em Saúde, da Secretaria de Estado da Saúde, Renata Nóbrega.

Na Paraíba, há dois centros: o Cievs estadual e o da capital. O do Estado é coordenado pela técnica da SES, Diana Pinto. Segundo ela, na Paraíba o Cievs existe desde 2007. É ele quem coordena os municípios nas situações de surtos e doenças de notificação compulsória imediata (48 horas), a exemplo de óbito por dengue, sarampo, rubéola, entre outras. “Nós recebemos a notificação dos municípios, por meio dos trabalhadores de saúde; verificamos a notificação e articulamos a resposta”, explicou Diana. Ela lembra de algumas situações nas quais o Cievs teve papel fundamental, a exemplo da microcefalia (2015/2016); sarampo (2010/2013) e H1N1 (2009).

O Cievs do Estado funciona 24 horas, em plantão presencial ou de sobreaviso. Existem dois números de telefone à disposição dos trabalhadores de saúde para fazerem as notificações: 0800-281-0023 e 9-8828-2522.

Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.