Doença rara é tema de palestra para profissionais da educação de Campina

Considerada uma doença geneticamente rara, a Distrofia Muscular de Duchenne (DMD), foi tema de uma palestra proferida para professores, cuidadores, gestores e técnicos do Sistema Municipal de Ensino, na manhã desta terça-feira, 24, no Clube da Bolsa. A ação foi realizada pela Prefeitura de Campina Grande, através da Secretaria de Educação (Seduc), como parte da formação continuada dos profissionais da educação.

A palestra foi proferida pela fisioterapeuta, Cristiane Muniz, da empresa Azimute Med. “O objetivo da palestra é ensinar o que é a distrofia muscular e como o professor pode ter um olhar diferenciado sobre esse aluno em sala de aula para ajudar os pais a procurarem especialistas e chegarem ao diagnóstico da doença, além de garantir a inclusão das crianças junto aos demais”, explicou a palestrante.

O evento é parte das ações promovidas pela coordenação do Programa Saúde na Escola (PSE), em parceria com a coordenação de Educação Especial da Seduc. As ações de orientações ocorrem desde 2016, quando houve a necessidade de formar os profissionais das creches e maternais para cuidar das crianças acometidas com a Síndrome Congênita do Zika Vírus.

“Vimos a necessidade de que nossos profissionais das creches tivessem essas orientações e agora constatamos a importância de que os profissionais das escolas também passem por esse processo de formação, para lidar com as crianças que necessitem de cuidados especiais, por isso estendemos nossa proposta para todo o Sistema de Ensino”, disse a coordenadora do PSE, Micheline Pires.

Durante a palestra, que contou com a participação de mais de 250 profissionais, a fisioterapeuta apresentou quais são as etapas do desenvolvimento de uma criança e quais os sinais podem identificar a presença da doença. Além disso, os participantes tiraram dúvidas sobre como desenvolver ações nas escolas para auxiliar as crianças que possam apresentar a distrofia.  


Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.