Complexo Hospitalar de Mangabeira ultrapassa marca de 4,2 mil cirurgias

No acumulado de janeiro a setembro deste ano, o Complexo Hospitalar de Mangabeira Governador Tarcísio de Miranda Burity (Ortotrauma) registrou a realização de 4.279 cirurgias. O quantitativo representa um crescimento de 4,77% sobre o que foi realizado na unidade hospitalar no mesmo período do ano anterior (4.084).

O Ortotrauma é referência em cirurgia de urgência e emergência de áreas abaixo do cotovelo e abaixo do joelho, conforme pactuação firmada com o Ministério da Saúde. Das 461 cirurgias realizadas em setembro, 377 foram de ortopedia, o que corresponde ao índice de 81,78% do total.

A diretora geral do Complexo Hospitalar de Mangabeira, Fabiana Araújo, explica que a representatividade das cirurgias de ortotraumatologia vem crescendo em conformidade com os índices de acidentes de trânsito.

“O atendimento às vítimas de acidentes de trânsito só aumenta, sobretudo no que se refere aos condutores de motocicletas. O atendimento a este público cresce bem acima dos números dos acidentes com demais veículos. Infelizmente, a maior parte dos acidentes ocorre por imprudência. Além disso, o índice de reincidência dos condutores é alto”, lamenta Fabiana Araújo. 

O Complexo Hospitalar de Mangabeira também realiza pequenas cirurgias sem internamento, consultas, exames laboratoriais e por imagem, tratamentos de recuperação motora por meio do Centro de Reabilitação e Tratamento da Dor (Cendor), além de urgência psiquiátrica por meio do Pronto Atendimento em Saúde Mental (PASM).

Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.