Aplicação da Avaliação Somativa do Programa SOMA acontecerá nos dias 04 e 05 de outubro

Nos dias 4 e 5 de outubro acontecerá a aplicação da Avaliação Somativa do Pacto pela Aprendizagem na Paraíba (SOMA). Estudantes das Redes Estadual e Municipal do 3º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio, terão os desempenhos avaliados nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática. Dessa maneira, será possível realizar um diagnóstico do cenário educacional do estado e planejar e executar ações de melhoria do ensino e aprendizagem.
O Programa SOMA tem como objetivo assegurar que todos os estudantes sejam alfabetizados na idade certa, até o 3º ano do Ensino Fundamental, e corrigir o déficit de aprendizagem dos que chegam 5º a 9º ano, visando a qualidade e a equidade educacional no Estado. Para isso, dispõe de diversas iniciativas, entre elas a avaliação e monitoramento do desempenho dos estudantes, a formação de professores e o desenvolvimento profissional de gestores, além de material didático. Essas iniciativas são garantidas a partir da cooperação firmada entre o Estado e 219 municípios da Paraíba. O Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) são parceiros do Programa.
A avaliação é necessária para diagnosticar os níveis de alfabetização e letramento de estudantes matriculados na rede pública de ensino da Paraíba. Através das Avaliações formativa e somativa que são aplicadas ao longo do ano letivo para aferir o desempenho de estudantes da rede estadual e municipais (por adesão) em anos-chave da educação básica, fornece o diagnóstico, além de informar as condições de aprendizagem dos estudantes, serve de orientação para a pactuação de metas cujo objetivo é promover a qualidade e equidade educacional.
Além das avaliações, o SOMA vai garantir a apropriação dos dados e análises obtidos por meio das Plataforma de Desenvolvimento Profissional. Essa etapa abrangerá análise estatística dos dados obtidos, relatórios descritivos do desempenho dos estudantes, devolutiva dos resultados para as equipes gestoras da SEE, gestores municipais e gestores escolares, que receberão as orientações necessárias para o estabelecimento de metas de ensino e aprendizagem por escola.
Além disso, um curso de desenvolvimento profissional para gestores, coordenadores supervisores escolares será disponibilizado, garantindo que o diagnóstico obtido pela avaliação em larga escala seja amplamente apropriado pelos educadores. Dessa forma, o SOMA oferecerá itinerários de ações pedagógicas o apoio necessário para sustentar os caminhos a serem adotados para a melhoria da oferta educacional, promovendo temas que explorem o desenvolvimento de habilidades profissionais de acordo com as expectativas do Ministério da Educação (MEC) e consonantes à urgente efetivação do trabalho na escola, no qual o que é ensinado é aprendido.
Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.