Professora finlandesa desenvolve projeto de mestrado em escolas da Rede Estadual da Paraíba

A professora finlandesa Elisabeth Erholtz está visitando a Paraíba para conhecer como funciona o sistema educacional do Estado. A visita faz parte do seu estágio de docência do mestrado que desenvolve na Finlândia e é fruto da parceria firmada entre o Governo do Estado e as Universidades finlandesas Häme University of Applied Sciences (HAMK), localizada na cidade de Hämeenlinna e Tampere University of Applied Sciences (TAMK), da cidade de Tampere.

Por meio dessa parceria, professores da Rede Estadual de Ensino participaram do Programa de Intercâmbio Internacional Gira Mundo Finlândia, com bolsas na Modalidade Treinamento no Exterior (SPE), onde desenvolveram atividades relacionadas às áreas de Educação Básica, Ferramentas Digitais na Educação, Educação Profissional (VET), Aprendizagem Baseada em Projetos e Problemas (PBL) e Empreendedorismo.

Como parte do projeto a professora Elisabeth Erholtz visitou, na terça-feira (05) o Liceu Paraibano, a Escola Estadual Padre João Felix, a Escola Estadual Sesquicentenário, em João Pessoa e a Escola Técnica Estadual Erenice Cavalcante Fidelis, em Bayeux. A professora falou da sua impressão na visita às escolas. Segundo ela, está sendo muito proveitosa essa experiência que está tendo na Paraíba, de poder comparar a forma de ensino praticada aqui com a da Finlândia para a troca de experiências, conhecendo o formato da aula com seus diferentes meios de estudar. “Uma coisa que me chamou muita atenção foi a apresentação da banda marcial do Liceu Paraibano. A música e a dança são outra maneira de aprendizado e interação com os alunos”, ressaltou Elisabeth.

Quanto às expectativas dela com relação à Paraíba e aos paraibanos, a professora Elisabeth disse que gostou da cidade de João Pessoa, do estilo de vida das pessoas, que as considerou interessantes e muito alegres. “Além de observar as pessoas praticando esporte na praia, logo pela manhã, o que demonstra a busca pela saúde e por melhor qualidade de vida”, comentou.

Elisabeth Erholtz ficará na Paraíba por duas semanas e neste período visitará várias escolas da Rede Estadual. Na segunda-feira (4), ela participou de uma reunião com o secretário de Estado da Educação, Aléssio Trindade, quando apresentou o modelo educacional finlandês e trocou experiências com a equipe da Secretaria de Estado da Educação (SEE). Também participaram da reunião a secretária de Gestão Pedagógica da Educação, Roziane Marinho, o diretor executivo de Desenvolvimento Estudantil, Túlhio Serrano, o gerente de Ensino Médio, Robson Rubenilson, a gerente de Ensino Fundamental, Marta Medeiros, além de professores intercambistas do Gira Mundo e do estudante intercambista do Gira Mundo Canadá Samuel Laerte, que participou da reunião como intérprete. 
O secretário Aléssio Trindade destacou a importância da parceria com a Finlândia. “Na reunião discutimos o sistema educacional paraibano e seu currículo e o sistema educacional finlandês e programamos, a partir dessa discussão, as atividades de aprendizagem da professora aqui na rede estadual da Paraíba. Trata-se de uma ação muito importante porque fecha a parceria que temos com a Finlândia. O Estado da Paraíba não está gastando nada, pois essa foi uma ação de escolha própria da universidade de Hamk, que enviou a professora para realizar seu estágio de docência aqui na Paraíba, como parte do seu mestrado. Esta iniciativa valida o sucesso do nosso intercâmbio e da parceria da Paraíba com a Finlândia”, explicou Aléssio Trindade.

A professora Elisabeth Erholtz falou da expectativa da visita à Paraíba. “Estou aqui para conhecer como funcionam os métodos de ensino na Paraíba e os processos educacionais. Espero poder trocar experiências e conhecimentos com todos aqui e visitar escolas  paraibanas, seus laboratórios, alunos e professores”, disse a professora.

Secom
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.