Convênio realizará sonho da entrega definitiva dos títulos a 1.000 assentados

O sonho de titularização definitiva de suas moradias está este bem perto de se tornar realidade para cerca de mil famílias do município de Cruz do Espírito Santo, Zona da Mata paraibana. Um acordo entre o Instituto Nacional de Reforma Agrária (Incra) e a Prefeitura do município, com o intermédio do deputado federal Benjamin Maranhão (SD), vai proporcionar que a regularização dos imóveis seja possível.

“Participar desse momento ímpar na vida dessas famílias é motivo de muito orgulho e incentivo a continuarmos nossa luta em busca da entrega definitiva dos títulos a centenas de famílias que esperam pelo processo de regularização fundiária em nosso Estado”, comentou o deputado, ao lado presidente do Incra na Paraíba, Rinaldo Maranhão.

Nesta sexta-feira (29), um ato solene na Câmara Municipal selou o termo de cooperação realizado entre o Incra e a Prefeitura de Cruz do Espírito Santo, para realização do  georeferenciamento dos lotes da reforma agrária no município. Além do prefeito Pedro Gomes, a sessão contou ainda com vereadores e lideranças locais, que há tempos lutam em prol dessa causa.

“A vereadora Maria do Socorro e o vereador Sebastião são incansáveis batalhadores em defesa da titularização dessas áreas. Eles sabem da importância desse processo para a vida dessas famílias e não medem esforços para ver a solução desse processo”, comentou o parlamentar.

Meta – Na Paraíba, a meta é entregar 1,4 mil títulos definitivos até o próximo ano. No Estado, existem 313 assentamentos, onde moram 15 mil famílias. Desde 2006 não existe nenhuma ação de entrega do titulo de domínio. O Incra, Leonardo Goes, virá à Paraíba para entregar 150 títulos de domínio de terra na Paraíba nas próximas semanas. Alguns assentamentos já têm 30 anos de criação sem que os assentados tenham a propriedade definitiva, sendo que após dez anos o agricultor já tem direito a receber o titulo.

Compartilha via Whatsapp

Sobre Redação AgoraPB

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.