Luciano Cartaxo investe em instrumentos de transformação social e inaugura terceira unidade do Ação Social pela Música


Dentro da agenda de entrega de ações e serviços da maratona pelos 432 anos de João Pessoa, o prefeito Luciano Cartaxo inaugurou, na tarde desta quinta-feira (3), a terceira unidade do projeto Ação Social pela Música (ASMB) no bairro Gervásio Maia. A ação, desenvolvida pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através de sua Fundação Cultural (Funjope), é um forte instrumento de transformação social ao aliar o ensino da música à educação formal, pois além de levar cultura aos bairros, dá oportunidade para as crianças despertarem seus talentos musicais através do estudo de instrumentos de corda e flauta doce.

O projeto atende crianças com idades entre 6 e 16 anos e já conta com unidades nos bairros Alto do Mateus e Mangabeira. Na próxima semana, uma quarta unidade será inaugurada no Centro Cultural Casa da Pólvora, onde 60 crianças poderão aprender o canto de coral. Somadas as quatro unidades, aproximadamente 350 crianças da Capital estarão inseridas no projeto social.  

"O projeto veio para que a gente pudesse dar oportunidades a diversas crianças e adolescentes da nossa Capital, dar acesso a um instrumento, ao conhecimento da música clássica. Esse time já está muito forte e em breve, sem sombra de dúvidas, eles estarão na Orquestra Sinfônica de João Pessoa, porque descobriram o talento, participam desse projeto com muito carinho, estão evoluindo muito e chegando a um novo patamar dentro da música. E, a eles, irão se juntar os estudantes que chegam agora para participar também aqui no Gervásio Maia, na nossa terceira unidade do projeto", destacou Luciano Cartaxo.

Na unidade do Gervásio Maia, 60 crianças vão estudar flauta doce em aulas ministradas de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h. As inscrições para a ASMB do Gervásio Maia são gratuitas e já começam na próxima segunda-feira (7). Podem se inscrever estudantes regularmente matriculados em escolas das redes Municipal, Estadual e particulares, cursando o Ensino Fundamental ou Médio, que tenham pelo menos 90% de assiduidade às aulas em suas respectivas escolas.

Durante a inauguração do espaço no Centro Cultural Gervásio Maia, os alunos das unidades do Alto do Mateus e Mangabeira fizeram apresentações com regência dos maestros Hector Rossi e Samuel Espinoza – coordenador geral do projeto Ação Social pela Música do Brasil-Núcleo João Pessoa. Entre as músicas apresentadas, os alunos interpretaram ‘Eu só quero um xodó’, de Dominguinhos; ‘Qui nem jiló’ e ‘Asa Branca’, de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira; ‘We will rock you’, do Queen; e ‘Happy blues’, de Júlio Fuentes.
  
Projeto – O Ação Social pela Música do Brasil (ASMB) é patrocinado pela Cielo em parceria com várias instituições. Na Paraíba, tem parceria com a Prefeitura Municipal de João Pessoa, que cede os professores e os espaços onde são ministradas as aulas.

Ação modelo – A Ação Social Pela Música do Brasil partiu do aclamado El Sistema, implantado na Venezuela há 40 anos e trazido para o Brasil há mais de 20, com atuações bem-sucedidas em comunidades no Rio de Janeiro. O projeto chegou em João Pessoa em 2015 e já atende há 150 jovens nas unidades do Alto do Mateus e Mangabeira.

Secom JP


Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.