A Prefeitura Municipal de Conde, através da Secretaria de Saúde, está desenvolvendo um projeto em parceria com Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) que tem como objetivo, a pesquisa sobre a febre amarela no município. A coleta de dados começou a ser feita desde a última segunda-feira, dia 07 de agosto. O Mestre em Saúde Pública e responsável pelo setor epidemiológico da Fiocruz, no Rio de Janeiro, Dr. Luiz Camacho destacou que “este projeto de pesquisa vai ser de extrema importância para a população, tanto que estamos desenvolvendo em três cidades aqui do litoral sul da Paraíba, além do Conde, a pesquisa está sendo feita nos município de Alhandra e Caaporã”, destacou o médico. A pesquisa “Estudo clínico da imunidade contra a febre amarela após uma dose de vacina em crianças e adultos: estudo de corte em área não endêmica” tem como principal objetivo, o acompanhamento de pacientes voluntários que foram vacinados contra a doença, e avaliar se no período de dez anos após o recebimento da dose da vacina, o paciente permanece imune à doença ou se existe alguma alteração no sistema imunológico. Um dos representantes da pesquisa, o Dr. Eduardo Sérgio disse que “a vacina será aplicada em crianças a partir dos 09 meses de idade e em adultos voluntários que serão acompanhados pelas equipes das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e juntamente com as equipes da Fiocruz e UFPB vão avaliar até quanto tempo o participante ficará imune à doença”, disse. As Unidades Básicas de Saúde Neves e Conceição foram às selecionadas para a realização da pesquisa. Para dar um suporte e melhor andamento da pesquisa no município, os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) passaram por um treinamento nos dias 04 e 05 de agosto na Universidade Federal da Paraíba, onde puderam se aprofundar mais na metodologia do projeto. A Secretária de Saúde, Renata Domingos relata que “a pesquisa é importante no município, porque verificará o tempo de eficácia da vacina nas pessoas e seus resultados serão usados nacional e internacionalmente”, afirmou. Sobre a Pesquisa: A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, transmitida por um mosquito. Com a realização da pesquisa no município de Conde, o objetivo é obter um melhor entendimento da duração da proteção da vacina. Serão vacinadas crianças a partir dos 09 meses de idade e adultos. A pesquisa está sendo realizada nas cidades de Conde, Alhandra e Caaporã e vai acompanhar cada voluntário participante durante um período de 10 anos, onde será avaliada a eficácia da vacina no sistema imunológico do paciente no período. No Conde as Unidades Básicas de Saúde Neves e Conceição foram às selecionadas para a realização da pesquisa. Qualquer dúvida é indicado que o interessado em participar procure uma das duas UBS, onde poderá obter maiores esclarecimentos com os profissionais de saúde capacitados.

A Prefeitura Municipal de Conde, através da Secretaria de Saúde, está desenvolvendo um projeto em parceria com Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) que tem como objetivo, a pesquisa sobre a febre amarela no município. A coleta de dados começou a ser feita desde a última segunda-feira, dia 07 de agosto.
O Mestre em Saúde Pública e responsável pelo setor epidemiológico da Fiocruz, no Rio de Janeiro, Dr. Luiz Camacho destacou que “este projeto de pesquisa vai ser de extrema importância para a população, tanto que estamos desenvolvendo em três cidades aqui do litoral sul da Paraíba, além do Conde, a pesquisa está sendo feita nos município de Alhandra e Caaporã”, destacou o médico.
A pesquisa “Estudo clínico da imunidade contra a febre amarela após uma dose de vacina em crianças e adultos: estudo de corte em área não endêmica” tem como principal objetivo, o acompanhamento de pacientes voluntários que foram vacinados contra a doença, e avaliar se no período de dez anos após o recebimento da dose da vacina, o paciente permanece imune à doença ou se existe alguma alteração no sistema imunológico.
Um dos representantes da pesquisa, o Dr. Eduardo Sérgio disse que “a vacina será aplicada em crianças a partir dos 09 meses de idade e em adultos voluntários que serão acompanhados pelas equipes das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e juntamente com as equipes da Fiocruz e UFPB vão avaliar até quanto tempo o participante ficará imune à doença”, disse.
As Unidades Básicas de Saúde Neves e Conceição foram às selecionadas para a realização da pesquisa. Para dar um suporte e melhor andamento da pesquisa no município, os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) passaram por um treinamento nos dias 04 e 05 de agosto na Universidade Federal da Paraíba, onde puderam se aprofundar mais na metodologia do projeto. A Secretária de Saúde, Renata Domingos relata que “a pesquisa é importante no município, porque verificará o tempo de eficácia da vacina nas pessoas e seus resultados serão usados nacional e internacionalmente”, afirmou.

Sobre a Pesquisa:
A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, transmitida por um mosquito. Com a realização da pesquisa no município de Conde, o objetivo é obter um melhor entendimento da duração da proteção da vacina. Serão vacinadas crianças a partir dos 09 meses de idade e adultos. A pesquisa está sendo realizada nas cidades de Conde, Alhandra e Caaporã e vai acompanhar cada voluntário participante durante um período de 10 anos, onde será avaliada a eficácia da vacina no sistema imunológico do paciente no período. No Conde as Unidades Básicas de Saúde Neves e Conceição foram às selecionadas para a realização da pesquisa. Qualquer dúvida é indicado que o interessado em participar procure uma das duas UBS, onde poderá obter maiores esclarecimentos com os profissionais de saúde capacitados.

Secomd
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.