Polícia prende quatro homens e evita explosão a caixas eletrônicos na cidade de Cabedelo

A Polícia Civil realizou, nas primeiras horas desta terça-feira (11), a Operação Porto Seguro. A ação foi resultado de um trabalho investigativo da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) de João Pessoa, que descobriu durante os levantamentos policiais o plano de um grupo criminoso responsável por ataques a agências bancárias. Quatro pessoas foram presas: Sebastião Alves da Costa, 33 anos, Stênio Rafael Bertulio do Amaral, 23 anos, Wilkson Francisco da Cruz, 28 anos, e Wellington Luiz dos Santos, 30 anos.
As investigações policiais mostram que os suspeitos estavam programando uma explosão aos caixas eletrônicos do Banco do Brasil que fica na cidade de Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa. Stênio, Wilkson e Wellington, que moram em Cuiabá, no estado do Mato Grosso, chegaram à Paraíba em um vôo comercial na sexta-feira (7) e ficaram hospedados na casa de Sebastião. Lá, eles teriam acertado os últimos detalhes da ação criminosa, inclusive reunindo material necessário para as explosões dos caixas.
A equipe da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Roubos e Furtos) recebeu a informação e deflagrou a Operação, que acabou com a prisão dos quatro suspeitos no bairro Jardim Veneza e apreensão de arma, documentos falsos e diversas ferramentas utilizadas para explosões de banco, como maçaricos, cilindro de gás, pés de cabra, luvas, além do veículo que seria usado na ação criminosa. Os suspeitos foram encaminhados para Central de Polícia no Geisel e vão ficar na carceragem aguardando a audiência de custódia. 

Secom
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.