PL de Rômulo que determina fatura em Braile é aprovado em comissão




O Projeto de Lei 5217/2016 do deputado federal Rômulo Gouveia (PSD) foi aprovado na Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara. A iniciativa garante aos deficientes visuais a possibilidade de receber faturas de cobrança em Braile.



A proposta estabelece a disponibilização e o envio de faturas, extratos de contas e correspondências impressas também em Braille pelas empresas concessionárias e permissionárias de serviços públicos, instituições financeiras e administradoras de cartões de créditos, para os consumidores portadores de deficiência visual. Para ter o benefício, os deficientes visuais deverão requisitar o envio das correspondências em Braile e terá que ser atendido em até 60 dias, após o pleito, com a permanência do envio em Braile por tempo indeterminado.



“Esta é reivindicação antiga dos deficientes visuais que são submetidos ao constrangimento de recorrer a terceiros para fazer a leitura dos documentos emitidos por essas empresas. É importante lembrar que tais documentos possuem informações de natureza confidencial”, justificou o deputado.





Assessoria
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.