Empresa diz que retirou do mercado lote irregular de remédio composto por paracetamol

A Natulab, indústria farmacêutica responsável pelo medicamento Tylemax (composto de paracetamol), que teve o lote 8417ª determinado para recolhimento pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), afirmou nesta quarta-feira (7) ao Portal Correio, que tomou as medidas cabíveis para cumprir a determinação. 

O medicamento Tylemax, solução oral 200 miligramas por mililitro mg/ml teve o lote interditado e determinado para recolhimento após detecção de irregularidades no processo de fabricação.

Em nota enviada ao Portal Correio, a empresa informou que “cumpre todos os parâmetros legais nos processos de fabricação de seus produtos”.

“A Natulab Laboratórios S.A., responsável pela fabricação e comercialização do produto Tylemax (paracetamol, solução oral, 200mg/mL), esclarece que o lote 8417 A, com validade 03/2018, teve seu anúncio de recolhimento feito pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). A empresa tomou as medidas necessárias para cumprir a determinação da agência reguladora e reitera que cumpre todos os parâmetros legais nos processos de fabricação de seus produtos”, diz a nota na íntegra.

Fonte:Portal Correio
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.