Jovem morre após bater moto em grades de ferro em João Pessoa

Um jovem de 19 anos morreu após perder o controle da motocicleta em que estava e bater em uma grade de ferro no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, na madrugada deste sábado (8). De acordo com o Instituto de Polícia Científica (IPC), a vítima estaria em alta velocidade e sem capacete no momento do acidente.
O caso aconteceu por volta das 4h, na Rua Francisco Porfírio Ribeiro, no sentido Mangabeira - Valentina. A dona do estabelecimento onde a moto bateu contou que acordou na madrugada com o barulho. “Acordei com o som de algo batendo e me assustei e chamei meu marido. Ele se acordou também e esperamos para ver o que tinha acontecido. Após algum tempo ele foi olhar na porta e tinha pessoas na rua, quando saímos, vimos o rapaz já caído no chão”, contou a mulher, que não quis se identificar.
Segundo o perito Sérgio Maia, do IPC, amigos da vítima contaram que ele estava em uma festa, e que teria saído na moto para comprar um chocolate. “O proprietário da moto disse que estava na festa e deixou a moto estacionada com a chave na ignição, e esse colega dele pegou a moto para sair para comprar um chocolate que uma garota havia pedido. Ele saiu provavelmente sem capacete, haja vista que não encontramos nenhum capacete aqui no local e os ferimentos na cabeça dele são compatíveis com os de acidentes onde a vítima está sem a proteção”, disse.
Ainda de acordo com perito, o jovem pode ter perdido o controle por estar em alta velocidade e passar por cima de algum objeto. “Ele perdeu o controle após a curva. Toda curva é uma força que puxa pro interior, mas as vezes quando se vem em alta velocidade, até uma pedra pequena que estiver no caminho faz com que você derive para o lado externo. Aqui foi constatado que ele estava na quinta marcha, com velocidade alta e qualquer obstáculo pode ter feito ele sair da curva. No caso, ele escapou da curva e atingiu três grades e um cano de ferro”, explicou Maia.
O corpo do jovem foi retirado do local pelo IPC e levado ainda pela manhã para passar por uma perícia na Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol) de João Pessoa.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.