Dois homens são mortos a tiros por trio encapuzado em festa na Paraíba

Dois homens foram assassinados a tiros por três homens encapuzados enquanto bebiam em uma festa em uma casa localizada em Cicerolândia, distrito de Santa Rita, cidade da Grande João Pessoa, na noite de terça-feira (11). Conforme informações da Polícia Militar, as vítimas João Estevan do Nascimento, 48 anos, e Willian de Oliveira Alves, de 22 anos, morreram no local do crime. Parentes das vítimas acreditam que ambos foram mortos por engano.

A principal suspeita da polícia é de que o dono da casa onde o grupo bebia seria o alvo dos atiradores, uma vez que dos presentes na festa, ele é o único que responde por crime. O filho de José Estevan, que preferiu não se identificar e também estava no local quando o crime aconteceu, relatou à TV Cabo Branco que os três homens encapuzados já chegaram atirando, sem dar oportunidade de fuga para as vítimas.
João Estevan morreu em frente a casa, já Willian conseguiu correr por poucos metros antes de ser baleado e morrer. Paulo Alves da Silva, agricultor, pai de Willian, lamentou o homicídio. Segundo ele, este é o terceiro filho que ele perde assassinado. De acordo a Polícia Mlitar, o dono da casa, Alisson Correia de 27 anos, é acusado de estupro, mas responde pelo crime em liberdade. Em entrevista, Alisson Correia disse que não sabe o que motivou a ação.
O caso foi registrado pelo delegado Paulo Josafá e deve ser investigado pela delegacia de Homicídios. Os corpos foram encaminhados para a Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), em João Pessoa. Até o início da manhã desta quarta-feira, nenhum suspeito do duplo homicídio tinha sido identificado e preso.
Homicídio no Sertão
Um jovem de 22 anos foi morto a tiros na madrugada desta quarta-feira (12) em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar, o homicídio aconteceu no bairro Cristo Rei, onde testemunhas ouviram os tiros e depois perceberam o corpo caído no chão. Até a manhã desta quarta-feira, ninguém tinha sido preso nem há suspeitos do crime.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.