Morre menor agredido dentro de centro socioeducativo durante rebelião, em João Pessoa

O adolescente de 17 anos, que ficou gravemente ferido durante uma rebelião no Centro Educacional Edson Mota, em João Pessoa, nesse domingo (4), morreu horas depois no Hospital de Emergência e Trauma da Capital. Essa foi a terceira confusão registrada dentro de centro socioeducativo em João Pessoa, em uma semana. 

De acordo com Reinaldo bezerra, diretor da unidade, o menor estava na unidade a cerca de 6 meses e respondia a um ato infracional análogo a homicídio. O adolescente era considerado problemático.

“Ele dava trabalho. Era um adolescente que se envolvia com confusão e por causa disso vivia sozinho em um quarto. Nesse domingo, os adolescentes quebraram grades e danificaram as paredes e espancaram o menor”, falou o diretor.

O menor foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, mas não resistiu e morreu. Ele era natural de Brasília.

A unidade tem capacidade para 70 jovens e adolescentes sentenciados, mas abriga 182. Um delegado da Infância e Juventude esteve no local e fez os primeiros levantamentos da confusão. Nesta segunda-feira (5), jovens serão ouvidos para identificados os responsáveis pela confusão.

Fonte:Portal Correio
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.