Candidatos da Paraíba renunciam e são substituídos por parentes

Para a disputa das eleições 2016, seis candidatos a prefeito que tiveram os registros indeferidos pela Justiça Eleitoral foram substituídos, de última hora, por parentes. Os candidatos tinham até dessa segunda-feira (12) para realizar a troca de postulantes.
Na lista dos barrados na Paraíba estão Manoel Andrade (PSD), Edilson Pereira de Oliveira Pereira (PDT), Abelardo Coutinho (PRB), Artur Dantas (PMDB), Fenelon Medeiros Filho (PSD) e José Ivanilson Gouveia (PR).

Em Barra de Santana, no Cariri, Manoel Andrade teve a candidatura indeferida por contas rejeitadas quando foi prefeito da cidade. Ele renunciou e foi substituído pela esposa Cacilda Farias de Andrade (PSD).
Em Coremas, no Sertão, o ex-prefeito Edilson de Oliveira também teve a candidatura indeferida e desistiu da disputa. A sua esposa, Francisca das Chagas de Oliveira (PDT), mais conhecida como Chaguinha de Edilson, assumiu a postulação de prefeita.
Em Fagundes, no Agreste, Artur Dantas também foi barrado pela Justiça Eleitoral. Ele renunciou e lançou a mãe, Magna Dantas (PMDB), para disputar a prefeitura. Em Puxinanã, Abelardo Coutinho teve a postulação indeferida e lançou o filho, Felipe Coutinho (PSD).
Outro barrado pela Justiça foi o candidato a prefeito de Santo André, no Cariri, Fenelon Medeiros Filho, mais conhecido como Dr. Lonza (PSD). Após renunciar, foi substituído pelo filho Omar Torres de Medeiros (PSD).
Em Soledade, o prefeitável José Ivanilson Gouveia (PR) também renunciou. Foi substituído pelo então candidato a vice Geraldo Moura (PP). Este, por sua vez, abriu vaga na chapa para Fabiana Gouveia (PMDB), prima de José Ivanilson.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.