'Pra não morrer', diz PM que reagiu a assalto e baleou suspeito na Paraíba

Um policial militar reformado reagiu a uma tentativa de assalto a uma loja de telefonia no Centro de Campina Grande e baleou um suspeito na tarde da quinta-feira (11). De acordo com a Polícia Militar, os homens entraram no estabelecimento, anunciaram o assalto e houve tiroteio. Nenhuma outra pessoa ficou ferida.

Ao sair da loja, sem se identificar, o policial reformado deu entrevista e confirmou o que aconteceu. "O rapaz veio me assaltar aí. Reagi, né? Pra não morrer", disse ele, que foi embora em uma viatura polícia. A PM não se posicionou a respeito da reação do policial.
Conforme o relato de testemunhas, três homens chegaram em um carro e dois deles entraram na loja. Após um deles ser baleado, o grupo fugiu. O suspeito que levou o tiro foi deixado pelos comparsas na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e depois levado por policiais para o Hospital de Emergência e Trauma. O estado de saúde dele não foi divulgado.
O comerciante Layvison Dantas estava na loja e, segundo ele, quase foi baleado. "Eu fechei meu comércio às 19h de ontem [quarta-feira] e me assaltaram, levaram meu celular e outros pertences pessoais. Vim comprar outro celular hoje [quinta-feira] e ia sendo assaltado novamente. Eu tava na cadeira e me deitei no chão, senão a bala viria em direção a mim", contou.
A Polícia Militar informou que fez buscas na região, mas os outros suspeitos do assalto foram localizados até as 7h desta sexta-feira (12).

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.