Foragido do RJ, membro de uma das maiores facções do país é preso no Litoral da PB

Um jovem foragido da Justiça do Rio de Janeiro foi preso, na noite dessa terça-feira (16), na Baía da Traição, Litoral Norte do estado, distante 92 km de João Pessoa. Ele seria integrante do Comando Vermelho, uma das maiores organizações criminosas do país. O suspeito nasceu na Paraíba, mas morava no Rio desde criança. Ele disse que voltou porque estava sob ameaças de grupos rivais. Ele foi levado para a Delegacia de Mamanguape.

De acordo com o comandante da 2ª Companhia Independente de Polícia Militar, capitão Alberto Filho, com base no relato do suspeito, o paraibano fugiu do Rio em 2014, logo após receber benefício de prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica. “Ele contou que retirou o equipamento e fugiu do estado porque estava sendo ameaçado de morte por integrantes de outras duas facções”, disse o capitão.

Ainda conforme o policial, o jovem confessou ter ligação com vários crimes ocorridos no Rio de Janeiro. “O suspeito tem cinco fantasminhas tatuados no corpo e informou que cada um representa uma pessoa que ele matou. Ele também tem tatuado um mago, que no mundo do crime quer dizer traficante”, completou o comandante da PM. Uma das vítimas mortas pelo suspeito seria um policial militar do Rio. 

O jovem vinha sendo investigado pelo Núcleo de Inteligência da Polícia Militar há cerca de um mês. Ele foi pego enquanto caminhava por uma rua na Baía da Traição. Não foram encontradas armas ou drogas com ele, mas a polícia disse que ele se meteu em confusão nos últimos dias. “Anteontem [segunda-feira] ele tentou matar uma pessoa esfaqueada e no fim de semana sofreu tentativa de homicídio”, informou Alberto Filho.

A polícia acredita que o conflito tenha sido com criminosos locais, que podem ter achado que o suspeito preso veio para tomar o território dominado por eles. 

Fonte:Portal Correio
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.