Enterrado o corpo do ator Adeílton Pereira, a 'Biuzinha', em João Pessoa

O corpo do ator Adeílton Pereira Dias foi enterrado no fim da tarde desta sexta-feira (19) no cemitério Parque das Acácias, em João Pessoa. O ator morreu na manhã da quinta-feira no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. O corpo foi levado do Centro Cultural de Mangabeira, onde aconteceu o velório, em um carro do Corpo de Bombeiros e chegou ao cemitério às 16h55, ao som de músicas da cantora Gretchen. O corpo foi enterrado por volta das 17h20 com a presença de familiares, amigos e fãs.

O velório, que começou na noite da quinta-feira, teve exibição dos figurinos de Biuzinha. A Cia Paraibana de Comédia ainda fez uma homenagem com música e alegria. "Era preciso. Se não fosse [alegre], não era o Pastoril, se não fosse não era Biuzinha. Era preciso, tinha que ser alegre", disse o ator e diretor, Edilson Alves.

Adeílton Pereira tinha 49 anos e estava internado na unidade desde o sábado (13). Ele fez a personagem "Biuzinha Priqui", do espetáculo de humor Pastoril Profano, da Cia Paraibana de Comédia. A carreira do artista começou em 1980, relembre.

Adeílton estava internado no Hospital de Trauma de João Pessoa depois de ter sofrido um acidente doméstico seguido de paradas cardíacas, em um condomínio na capital paraibana, segundo amigos.

Edílson Alves, que também faz parte da Cia Paraibana de Comédia, disse  no perfil dele que “por volta das 17h do sábado, Adeílton Pereira (Biuzinha) sofreu uma queda na escada do seu condomínio e teve duas paradas cardíacas. Ao chegar no hospital, sofreu a terceira parada cardíaca”.

Adeílton foi encaminhado no fim da tarde do sábado para o Hospital Ortotrauma de Mangabeira, o Trauminha, em João Pessoa. Porém, devido à gravidade do estado de saúde, foi transferido para o Hospital de Trauma Senador Humberto Lucena, onde deu entrada por volta das 22h20 com um quadro de Acidente Vascular Cerebral Hemorrágico (AVCH).
De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital de Trauma, os médicos neurologistas informaram que Adeílton Pereira teve um quadro de sangramento cerebral difuso e, por isso, ficou internado na ala vermelha do hospital, entubado. Entretanto, os médicos não souberam informar se o AVCH ocorreu antes ou após o acidente doméstico.
Biuzinha
De acordo com a página de Biuzinha no Facebook, a personagem nasceu dentro do espetáculo Pastoril Profano, em 1983. Com o tempo, ela foi parar na televisão, fazendo participações em programas de auditório e apresentando um quadro de humor em uma emissora local. Biuzinha é conhecida por suas piadas de duplo sentido, peruca verde e risada marcante.

Fonte G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.