Detido grupo suspeito de ataques a banco na PB, PE e RN; ‘mapa do crime’ é achado com o bando

Uma operação realizada na madrugada deste domingo (31) entre as polícias Militar e Federal deteve nove pessoas, entre elas quatro adolescentes, suspeitos de integrar uma quadrilha investigada por explosões a banco nos estados da Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. O grupo foi detido no bairro das Malvinas, na cidade de Campina Grande, no Agreste paraibano. Foram apreendidos duas armas de fogo, mais de 50 munições de pistola e componentes químicos utilizados em explosivos para detonar caixas eletrônicos.

De acordo com a Polícia Militar, o grupo, que tinha como base uma casa em Campina Grande, agia criminalmente nas cidades do Agreste, Brejo e Curimataú da Paraíba. Segundo o comandante do 10º Batalhão, major Pablo Cunha, a desarticulação do grupo é resultado de um trabalho conjunto com a Polícia Federal e as Polícias Civis da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

“Há pelo menos 30 dias vínhamos trocando informações com a Polícia Federal, Polícia Civil da Paraíba e Polícia Civil do Rio Grande do Norte acerca do grupo e na madrugada deste domingo, sob a coordenação do capitão Samaroni, parte do bando foi desarticulado e com os suspeitos foram apreendidos materiais explosivos e duas pistolas”, disse.

O oficial destacou ainda que com os acusados foi encontrado um mapa de agências que seriam alvo da quadrilha. “O grupo é bem maior e a próxima cidade que eles pretendiam atacar era Itapetim, no sertão de Pernambuco”, completou.

Os cinco presos têm entre 27 e 40 anos. As adolescentes detidas com o grupo têm 13, 14, 16 e 17 anos de idade. Os suspeitos e o material apreendido na operação foram levados para a Central de Polícia Civil, em Campina Grande. As menores foram ouvidas e liberadas. 

Fonte:Portal Correio
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.