Servidores do HU de João Pessoa iniciam paralisação nesta sexta-feira

Os servidores do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa, paralisaram as atividades por tempo indeterminado a partir desta sexta-feira (22). Por causa da greve, que é nacional, ficam suspensas consultas e a parte administrativa do hospital. Serão mantidos serviços considerados essenciais e tratamentos de pacientes. Por determinação Judicial, 75% dos serviços serão mantidos no HU.
No início da manhã desta sexta-feira, muitas pessoas aguardavam na fila de espera pelo serviço ambulatorial. Segundo o sindicato dos servidores da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que administra o HU, a categoria pede agilidade nas negociações de um acordo que prevê um reajuste salarial e a benefícios como plano de saúde.


Por meio de nota, a Ebserh informou que está disponível para negociação com os servidores, a fim de viabilizar o processo. A Ebserh também recorreu à Justiça do Trabalho, para garantir a manutenção de parte dos serviços e reduzir os prejuízos à população.
A negociação entre o Sindicato e a Ebserh já dura sete meses e a última proposta da empresa que administra o HU foi um reajuste de 8% nos salários e de 9% nos benefícios dos servidores. O Sindicato alega que a proposta descumpre um acordo firmado entre as partes, que considera o Índice  de Preços ao Consumidor (IPCA) no perído como base para o reajuste dos salários e dos benefícios. Assim, o aumento seria de 10,36%.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.