Motorista que bateu em 12 carros na PB é liberado após habeas corpus

O motorista de 23 anos que se envolveu em uma série de acidentes de trânsito na noite da sexta-feira (1º), em João Pessoa, foi liberado nesta terça-feira (5) após conseguir um habeas corpus. Manuel Augusto Viana estava internado no Hospital de Emergência e Trauma sob custódia policial, mas a defesa dele informou que, após a decisão judicial, ele recebeu alta e foi para casa.

Segundo informações repassadas pela polícia e bombeiros, o motorista, que estava em uma caminhonete Nissan Frontier preta, iniciou a série de colisões no bairro de Manaíra e só parou após bater contra uma árvore e um muro no bairro de Pedro Gondim. Manuel chegou a bater em 12 carros.

Segundo a delegada da 10ª Delegacia Distrital, Deibi Ismael, ele deve ser indiciado por lesão corporal de quatro pessoas, direção perigosa, omissão de socorro e danos materiais. A delegada disse, ainda, que, no carro de Manuel, foi encontrada uma pequena quantidade de cocaína e que, no hospital, ele se recursou a fazer o exame que indicaria se ele teria usado droga na sexta-feira.

Ainda de acordo com a polícia, o homem que estava dirigindo a caminhonete e um motociclista atingido em uma das batidas ficaram feridos e foram encaminhados para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.
O Batalhão de Policiamento de Trânsito da Polícia Militar (BPTran) confirmou que pelo menos 12 veículos se envolveram em acidente com a caminhonete. A Nissan Frontier foi apreendida e encaminhada para a Central de Polícia Civil, onde a Delegacia de Acidentes de Trânsito deve abrir um inquérito para investigar a causa dos batidas em série.

De acordo com a polícia, Manuel saiu do bairro de Manaíra por volta das 20h de sexta. Na Avenida Rui Carneiro, em frente à subestação da Energisa, no bairro do Brisamar, a caminhonete bateu em um caminhão que seguia em direção à Avenida Epitácio Pessoa. Com o impacto, o caminhão atingiu a traseira de um carro que estava estacionado. Não havia ninguém dentro do carro atingido. Em seguida, houve outro acidente na mesma avenida e o veículo atingido ficou atravessado na pista.

De acordo com relatos de testemunhas, a caminhonete subiu a calçada e seguiu por cerca de 100 metros em cima dela na Avenida Epitácio Pessoa, a principal via de João Pessoa. Continuando na Epitácio Pessoa, o motorista bateu em uma árvore e seguiu caminho. Após entrar no bairro Pedro Gondim, a Nissan Frontier preta bateu em uma motocicleta e metros depois bateu em uma árvore e em um muro e parou. Antes dessa última colisão, o carro atingiu outros veículos, totalizando 12, de acordo com o BPTran.
Segundo o soldado Mailson, do BPTran, quando o veículo parou, após colidir contra o muro e a árvore, ele estava apenas com três rodas. Ainda conforme o policial, a caminhonete deixou um rastro de destroços entre os três bairros, iniciando em Manaíra, passando por Brisamar e parando no Pedro Gondim. A caminhonete estava com a documentação regular.
O tenente Thiago Antônio, do Corpo de Bombeiros, que prestou socorro ao motorista da caminhonete, informou que ele não estava orientado no momento do atendimento. Os parentes do motorista estiveram no Hospital de Trauma, mas preferiram não falar com a reportagem. Conforme assessoria do hospital, o motociclista recebeu alta na madrugada do sábado. Manuel passou por dois exames de tomografia e estava sendo assistido por um neurologista.

Fonte;.G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.