Hospitais de Campina Grande vão ser abastecidos por carros-pipa

Os hospitais de Campina Grande que prestam serviço de hemodiálise vão ser abastecidos por carros-pipas. A decisão foi tomada em uma reunião na segunda-feira (18) na sede do Ministério Público entre as unidades de saúde e a Companhia de Águas e Esgotos da Paraíba (Cagepa). A medida vai ser tomada após o modelo de racionamento mudar e a cidade ser dividida por zonas. Não foi divulgada uma data para início do abastecimento das unidades de saúde.
A reunião aconteceu porque as direções do Hospital Antônio Targino, Hospital Dr. Edgley, Fundação Assistencial da Paraíba (FAP) e Hospital João XXII alegam que os estabelecimentos não têm condições de se manter passando mais um dia sem abastecimento. A princípio, as unidades queriam ser excluídas do racionamento e receber água todos os dias, ideia que foi recusada pela Cagepa por questões hidráulicas.

A proposta de abastecimento por carros-pipas foi apresentada pelo gerente regional da Cagepa Borborema, Ronaldo Meneses. ""É uma proposta emergencial. Os hospitais devem encaminhar ofício indicando a quantidade necessária de água e os veículos. A Cagepa que definirá a logística de entrega e de onde vai ser tirada a água", explicou.
Os hospitais aceitaram a proposta, apesar de questionarem os custos da operação em contratar os caminhões e pagar pelo metro cúbico de água. "A nossa preocupação é que os serviços de hemodiálise de cada um dos quatro hospitais consome 30 mil litros de água por dia", disse o presidente do Sindicato dos Hospitais de Campina Grande e diretor do Hospital Antônio Targino, José Targino.
A situação está sendo monitorada pelo Ministério Público da Paraíba. "Existe outro inquérito no MP sobre água, que é um procedimento mais amplo. E agora tem esse específico para tratar dos hospitais que têm o serviço de hemodiálise. Até dezembro vamos realizar reuniões e acompanhar se essa solução emergencial está dando resultado", afirmou a promotora Adriana Amorim.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.