Onda de assaltos aterroriza moradores ao redor da Granja do Governador, em João Pessoa; vídeo

Uma onda de assaltos nas ruas ao redor da granja, residência oficial do Governador do Estado da Paraíba, no bairro de Miramar, em João Pessoa, está assustando os moradores. Os ladrões estão assaltando moradores, estudantes, empregados dos condomínios e até entregadores de pizza e pessoas que chegam para prestar serviços. Nos últimos dois meses, segundo moradores da área, já aconteceram mais de 30 assaltos. Veja vídeo abaixo.

“Nós estamos assustados. Quase ninguém dos prédios ao redor da granja, anda a pé. Temos filhos que estudam nas escolas a duas quadras de onde moramos e não vamos mais deixá-los caminhando, com medo dos assaltos”, disse a síndica de um dos prédios, que não quis se identificar.

Segundo a síndica, os ladrões quase sempre de moto, agem mais nas primeiras horas do dia e no início da noite, horários de mais movimentação dos condomínios. “Nós, os síndicos dos cinco prédios que ficam ao redor da granja, já nos reunimos e estamos preparando um documento para solicitar ação da Secretaria de Segurança Pública do Estado. Quando acontecem os assaltos, chamamos a polícia, eles chegam dão uma volta e vão embora”, disse a síndica.

Ela revelou ainda que todos os condomínios investiram alto em sistema de monitoramento por câmeras e alguns contrataram segurança. Mas, legalmente a segurança só pode agir dentro dos condomínios. “Dentro dos condomínios, tivemos que contratar nossa segurança. Mas, quando colocamos os pés nas ruas ficamos entregues à bandidagem. Muita gente está querendo se mudar, ou vender os apartamentos na área. É uma situação de pânico”, afirmou.



A Consierge de um dos condomínios que foi assaltada quando chegada ao trabalho, disse que tentou fazer um boletim de ocorrência, mas desistiu. “Eles demoram muito. Passei quase a manhã inteira esperando e não me atenderam. A grande maioria das vítimas não está indo prestar BO, principalmente à noite, justamente por essa dificuldade. Talvez, a polícia tenha poucos registros de assaltos aqui na área. Mas, a situação é aterrorizante. A granja está cheia de policial. Os assaltos acontecem quase na calçada da granja. Mas, os policiais disseram que só podem agir dentro dos muros da residência do governador”, disse.

A área nas proximidades da granja é muito movimentada. Além de condomínios e residências de alto padrão, existem várias escolas, o Clube Cabo Branco, uma faculdade e uma Igreja Católica. “O bairro do maior bloco de arrastão pré-carnavalesco do Brasil,o Muriçocas do Miramar, perdeu o status de local tranquilo. Com a exploração imobiliária, sobretudo, ao redor da granja,chegou também a violência, que acontece principalmente por falta de policiamento na área”, disse o morador que não quis ser identificado.

Outro lado

Em nota enviada ao Portal Correio, a assessoria de imprensa da Polícia Militar da Paraíba informou que a distribuição do policiamento é realizada com base em dados estatísticos. Na área da Ceatur, o bairro de Miramar está entre os que possuem menores índices de assaltos registrados.
Segundo a nota, do dia 1 de junho até hoje foram registrados 6 roubos. É importante que os registros das ocorrências sejam realizados pelas vítimas para embasar a distribuição e intensificação do policiamento. Não obstante a isso, as rondas serão intensificadas na citada área.



Sobre os boletins de ocorrência, a Polícia Civil informou que durante o expediente (8h às 17h), os moradores do bairro Miramar podem registrar a queixa nas delegacias 3ª Distrital, instalada na avenida Epitácio Pessoa, ou na 10ª DD em Tambaú. No período noturno, além do boletim online, a vítima pode se dirigir a 12ª DD no bairro de Manaíra ou na Central de Flagrantes na Central de Polícia Civil, no bairro do Geisel, na Capital.



Fonte:Portal Correio
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.