Diário Oficial do Conde, na Paraíba, publica homologação de concurso

A Prefeitura Municipal do Conde, cidade da Região Metropolitana de João Pessoa, publicou no Diário Oficial do município, na edição da terça-feira (28), a homologação do resultado final do concurso público, divulgado na mesma edição do jornal. O resultado final e a homologação contempla a maioria dos cargos, com exceção para os cargos de professor do E.F.I (séries iniciais e creche), que teve a prova anulada, e os cargos cujos candidatos ainda vão passar pela prova de títulos.

De acordo com o documento, que pode ser encontrado no site da prefeitura, fica homologado o resultado final do concurso excepcionalmente para os cargos de agente administrativo, assessor jurídico, assistente social, assistente social escolar, atendente, auditor fiscal de tributos municipais, auxiliar de consultório dentário, auxiliar de limpeza urbana, auxiliar de serviços diversos, bibliotecário, biólogo, bioquímico, bombeiro hidráulico, cirurgião dentista bucomaxilofacial, coveiro, educador social, eletricista, encanador, brailista, intérprete de libras, jornalista, mecânico, médico (cardiologista, dermatologista, geriatra, ginecologista, neurologista, psiquiatra, sanitarista, veterinário), monitor de creche, motorista AB, motorista D, nutricionista, psicólogo, psicólogo escolar, técnico de contabilidade, técnico em agropecuária, técnico em análise clínica, técnico em edificações, técnico em enfermagem, técnico em informática, manutenção e instalação, técnico em prótese dentária, terapeuta ocupacional, topógrafo, urbanista e vigilante municipal.

No site da organizadora do concurso, a Advise, foi publicado, no mesmo dia da divulgação do resultado final, o edital de convocação para os candidatos aos cargos que devem passar pela prova de títulos. Os documentos devem ser entregues entre os dias 7 e 8 de julho, em fotocópia autenticada, encadernados e em espiral, na prefeitura do município, situada na rodovia PB-018, KM 3, Centro, entre o horário das 13h às 16h30. Confira aqui o edital.
São convocados os aprovados na prova objetiva para os cargos de pedagogo, professor de artes, professor ciências, professor de educação física, professor de geografia, professor de história, professor de inglês, professor de matemática, professor de português, professor de libras, professor de música e supervisor escolar.
As provas foram aplicadas no dia 5 de junho. Foram cerca de 19 mil inscritos, mas quase 2 mil pessoas faltaram às provas. O edital ofereceu vagas para cargos de nível fundamental incompleto, fundamento completo, médio e superior com salários que variam de R$ 880 a R$ 2 mil. O processo seletivo tem validade de dois anos e poderá ser prorrogado, uma vez, por igual período.
Para nível fundamento incompleto, foram ofertadas 87 vagas, 10 para nível fundamental completo, 137 para médio e 109 para superior. Entre as especialidades exigidas para os cargos de nível superior estão médicos, assistentes sociais, advogados, farmacêuticos, odontólogos, professores, psicólogos, engenheiros e arquitetos.

Fonte:G1
Compartilha via Whatsapp

Sobre Hugo Freitas

O AGORAPB O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS
    Comentário via Blogger
    Comentário via facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os leitores que quiserem fazer algum comentário, devem estar logados no facebook, clicar em Like e escrever na caixa de texto que se abrirá automaticamente.